Orquídeas

Como cuidar da minha orquídea?

Conheça Academia Forth

Comprei uma orquídea, mas não sei cuidar, e agora?

Para cuidar bem da sua orquídea e garantir mais de uma florada por ano, é preciso entender o seu ciclo de desenvolvimento, adubar de acordo com cada fase, regar na medida certa e replantar quando necessário. 

Você comprou uma orquídea linda e florida, porém após alguns dias as flores acabaram?

Calma!

Isso acontece porque a orquídea, como toda planta, tem um ciclo de desenvolvimento. 

Quando você a comprou, ela estava na fase de floração, porém agora esse período passou para dar lugar a fase vegetativa, que é quando a orquídea perde as flores e começa a juntar energia para a próxima florada.

Então, não desista da sua orquídea! 

Sabendo cuidar dela direitinho em cada fase, logo ela retorna ao período de floração e você poderá desfrutar de toda a beleza de suas flores novamente.

E é exatamente para te ajudar com isso que criamos esse conteúdo!

Aqui vamos te explicar, passo a passo, como cuidar da sua orquídea.

Veja uma prévia do que vamos abordar:

  • Como adubar sua orquídea
  • Fase de floração
  • Fase vegetativa
  • Como regar sua orquídea
  • Como replantar sua orquídea

Vamos lá?

...

 

Como adubar sua orquídea

Como falamos na introdução, as orquídeas têm um ciclo de desenvolvimento formado por duas fases:  floração e vegetativa. 

E cada uma dessas fases tem diferentes necessidades de nutrição. Por isso, vamos falar de cada uma separadamente:

 

Fase de Floração

É nesta fase que sua orquídea está quando você a compra. 

Isso é porque a floricultura, que não é boba nem nada, sabe que é na fase de floração que a orquídea fica mais bonita e vende mais, por isso só coloca plantas que estão nesta fase a venda, para chamar mais atenção dos consumidores.

Na fase de floração a orquídea gasta bastante energia, por isso ela precisa de muitos  nutrientes. 

É por isso que, para esta fase, nós recomendamos o  FORTH Orquídeas Floração. 

Este fertilizante conta com 11 nutrientes balanceados indicados especialmente para a fase de floração.

Com o FORTH Orquídeas Floração, sua orquídea conseguirá desenvolver ao máximo todo o seu potencial genético.

Resumindo:

⏵Qual adubo: FORTH Orquídeas Floração

⏵Onde aplicar: sobre as folhas e, se preferir, sobre o substrato; 

⏵Quando aplicar: de 15 em 15 dias;

⏵Observação: nunca aplique sobre as flores, pois a estrutura morfológica desta parte da planta é muito sensível.

 

Fase vegetativa

Como já explicamos, na fase vegetativa sua orquídea perderá as flores e começará a juntar energia para uma próxima florada.

Para esta fase recomendamos o FORTH Orquídeas Manutenção.

Este fertilizante,  como o próprio nome indica, realiza a manutenção nutricional da planta durante este período de reposição de energia.

Resumindo:

⏵Qual adubo: FORTH Orquídeas Manutenção

⏵Onde aplicar: sobre as folhas e, se preferir, sobre o substrato; 

⏵Quando aplicar: de 15 em 15 dias;

⏵Observação 1: nunca aplique sobre as flores, pois a estrutura morfológica desta parte da planta é muito sensível;

⏵Observação 2: Assim que a planta começar a emitir uma nova haste floral você deve voltar a utilizar o  FORTH Orquídeas Floração.

 

Como regar sua orquídea

Agora que você já sabe como manter a adubação da sua orquídea em dia de acordo com fase, é hora de saber como regá-la corretamente.

Neste tópico é importante destacar que as orquídeas não gostam de excesso de água, porém o inverso também é prejudicial. 

Ambos os extremos, tanto muita água, quanto pouca água, podem fazer a planta passar por um estresse hídrico que vai afetar negativamente seu desenvolvimento.

Então como proceder?

Simples! 

Siga esses passos e sua orquídea ficará bem:

- Regue ao menos um vez ao dia (se a região for muito quente, regue duas vezes);

- Mantenha sempre o substrato úmido;

- Caso a planta esteja em um cachepô verifique sempre se não tem água empoçada, pois isso pode causar o apodrecimento das raízes. 

 

Como replantar sua orquídea

Depois de algum tempo sua orquídea começara a se soltar do vaso, o substrato ficará meio ruim e algumas raízes ficarão apodrecidas. 

Isso é normal, mas é indicativo de que você precisa realizar o replantio da orquídea.

Neste momento muita gente fica apreensiva e tem medo de machucar a planta.

Mas calma! Seguindo algumas dicas simples é possível fazer isso sem prejudicar sua orquídea. 

Só que é mais fácil explicar mostrando, por isso vamos deixar aqui embaixo o link para um vídeo no qual mostramos detalhadamente como realizar esse procedimento usando o FORTH Substrato Orquídeas Casca de Pinus, dá só uma olhada:

...

E é isso!

Com essas dicas agora você está preparado para cultivar sua orquídea da forma certa e conseguir até mais de uma florada por ano!

Gostou deste conteúdo ou tem sugestões para novos posts? Deixe seu comentário!

Nos siga nas redes sociais:

Facebook da Forth Jardim

 João Pedro M. Leal | Engenheiro Agrônomo Forth Jardim

Leia Também

Orquídeas

Montando seu orquidário

Continue Lendo >

Orquídeas

Sua casa com orquídeas floridas o ano inteiro

Continue Lendo >

Orquídeas

Com 50 mil espécies de orquídeas, como escolher a minha?

Continue Lendo >

não perca nossas novidades

Cadastre seu e-mail abaixo. É rápido, fácil e de graça!